C̢mara aprova projeto que autoriza abertura de cr̩dito para a realiza̤̣o da primeira Feira do Terno de Paragua̤u РC̢mara Municipal de Paragua̤u

Câmara aprova projeto que autoriza abertura de crédito para a realização da primeira Feira do Terno de Paraguaçu

porederpcu

Câmara aprova projeto que autoriza abertura de crédito para a realização da primeira Feira do Terno de Paraguaçu


 

EVENTO INÉDITO

Uma novidade importante para o calendário de eventos de Paraguaçu passou pelo crivo dos vereadores na sessão ordinária do último dia 6 de março. A Câmara aprovou uma proposta do Executivo que cria condições para a realização da primeira edição da Feira do Terno.
Aprovado por unanimidade pelos vereadores, o projeto de lei 008/2017 autoriza o Executivo a abrir crédito especial adicional no valor de R$ 120 mil. A medida visa criar uma dotação orçamentária nova, com dinheiro vinculado à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e ao Departamento de Comercio, Indústria e Turismo.
O crédito especial será utilizado como fonte de recursos para custear as despesas com a realização do evento que há muito é aguardado na cidade. Na justificativa anexada ao projeto de lei e assinada pelo prefeito José Tibúrcio do Prado Neto, o Executivo afirma que a primeira edição da Feira do Terno está programada para os dias 29 e 30 de abril e consistirá num balcão de negócios para divulgar o trabalho das empresas paraguaçuenses do setor e atrair a atenção de canais de mídia e de compradores.
De acordo com o texto, a feira terá a participação do Sebrae, da Aciap e de outros colaboradores, trabalhando o objetivo de tornar Paraguaçu a capital nacional do terno, já que a cidade vem se firmando como um polo de facção e confecção de roupa social masculina.

 

AVALIAÇÃO EM PLENÁRIO
Para os vereadores, a proposta vai representar benefícios para toda a cidade. Na votação em plenário, Pastor João, Wander do Jovino e Marquinho Trovador afirmaram que a Feira do Terno deve trazer movimentação financeira e estimular a geração de empregos na cidade, enquanto Claudiney Teté lembrou que o tema já era uma reivindicação da legislatura anterior.


Sobre o Autor

ederpcu administrator

Deixe uma resposta